sábado, fevereiro 02, 2008

Destino



Eu sei que ja ha muito tempo que nao posto nada,mas tenho andado tao ocupada com exames, a carta...tanta coisa...E a inspiraçao pra escrever o quer que seja tambem nao tem sido la muita...
Como algumas pessoas sabem, eu sou uma pessoa que gosta muito de lembrar do passado, de pensar nele (se calhar é daí que vem o meu gosto por fotografia)...
Houve uma altura em que teria dado tudo para mudar algumas coisas que se passaram na minha vida, alguns erros que cometi e que teria dado tudo para nao os ter cometido. Tive algumas decepçoes, talvez por acreditar de mais, por me iludir...
Mas olhando agora para trás, para tudo isso, fico feliz por ter cometido aqueles erros, por ter acreditado, por me ter iludido, por, como a minha mae sempre me disse, consegue-se sempre tirar coisas boas das coisas más. E se calhar a coisa boa que posso tirar disso tudo é o momento que estou a viver.
Eu confesso que sou uma pessoa bastante ceptica, mas há uma coisa em que acredito. Não é propriamente acreditar no destino, pois eu nao acho que sejamos simplesmente umas marionetas que por aqui andam a fazer algo que já estava estritamente delineado. Mas acredito que há certas coisas que têm que acontecer, é claro que temos sempre que fazer as nossas escolhas, e delas depende o que irá acontecer a seguir, a maneira como as coisas acontecerão. Eu sei que se calhar ninguem percebe peva do que estou para aqui a dizer. Mas o que eu quero dizer é que há coisas que ja tinham que acontecer, era como se já estivessem predestinadas, no entanto, nós ao fazermos as nossas escolhas decidimos a maneira como esses acontecimentos se dão e o seu desfecho. Se calhar eu tive que passar por todas as dificuldades que tive até hoje para poder chegar onde estou agora, e se assim foi, nao me importo nada, pois estou a viver um dos melhores momentos da minha vida.
Não quero dizer com isto que a minha vida é perfeita, porque sinceramente não o é, nem nunca ha-de ser. Mas mesmo assim estou muito feliz, e sei que aqueles erros que cometi me vão ajudar a não os voltar a cometer, a não perder esta felicidade toda que tenho dentro de mim.
Eu sei que se avisinham tempos menos bons, que vou precisar de muita força para os superar e ajudar a superar, mas sei tambem que tenho bons amigos com quem contar e um namorado, que para além de ser o melhor namorado do mundo é tambem um bom amigo, o meu melhor amigo, e que vao estar todos do meu lado.

1 comentário:

Helènic Glauc disse...

Jo no hi crec, en el destí, encara que comprenc que de vegades puguis tenir aquesta sensació. Crec que la vida ens l'anem fent nosaltres amb ajuda de l'atzar.
Salutacions des de Barcelona!